O que é o Not Provided do Google Analytics e o que ele representa para o tráfego do seu site

27/09/2012
  • Pin It

Se você trabalha com relatórios de Web Analytics, ou se por acaso já acessou o Google Analytics de seu site ou blog a fim de estudar fluxos de aceso e parâmetros de comportamento dos seus clientes ou leitores, deve ter se deparado com o termo “Not Provided” no topo da lista de palavras-chave que mais geraram tráfego para sua página.

Antes de cogitar a ideia absurda de investir verba publicitária na otimização das palavras-chaveNot Provided” para aumentar o fluxo de acessos do seu site, vamos primeiro entender do que se trata o termo “Not Provided” do Google Analytics.

O que é o Not Provided

Ao acessar o relatório de palavras-chave via busca orgânica do Google Analytics, é provavel que você acabe encontrando o termo Not Provided no topo da lista. Diferentemente das palavras que estão abaixo dele, o Not Provided não trata-se de um termo buscado pelos internautas no Google ou demais sites de busca, e de fato o Not Provided não se trata de nenhum termo associado ao seu negócio ou ao site da sua empresa.

O Not Provided é um relatório que agrega uma série de palavras-chave que não puderam ser fornecidas pela ferramenta de buscas do Google.

palavras-chave-google-analytics-not-provided

 

“Mas como assim o Google não é mais capaz de encontrar os termos e palavras-chave que originaram as visitas a um site?”

Calma, não é bem assim. O Google não parou simplesmente de fornecer dados sobre essas palavras, mas fez algumas mudanças baseado em sua nova política de privacidade.

Se por acaso você estiver logado em sua conta do Google, fazendo uso de qualquer um dos serviços disponibilizados pela empresa (seja o Youtube, Orkut, Gmail, Google+, etc…) e pesquisar por algum determinado termo ou palavra na barra de buscas do Google, as palavras e os termos digitados não serão identificados pelo Google Analytics nos relatórios de busca orgânica (apesar de continuarem aparecendo nos relatórios de palavras-chave patrocinadas, caso essas palavras estejam fazendo parte de alguma campanha de Google Adwords).

google política de privacidade

Como identificar essas palavras-chave?

Apesar de não aparecerem nos relatórios do Google Analytics, é possível tentar descobrir esse conjunto de palavras referentes ao Not Provided por meio de outra ferramenta de análise do Google, a Google Webmaster Tools.

O Google Webmaster Tools é uma excelente ferramenta de análise e monitoramento, fornecendo justamente algumas informações complementares às já disponibilizadas pelo Google Analytics.

google webmaster tools

Por meio do Google Webmaster Tools é possível identificar as 10.000 palavras-chave que mais geraram cliques para o seu site ou blog, mas por fornecer apenas dados referentes a termos e palavras que obtiveram cliques, uma boa estratégia de análise seria cruzar seus dados com os obtidos pelo Google Analytics, pois o Google Webmaster Tools não fornece dados como taxas de rejeição, taxas de conversão, tempo de permanência por página e posts mais acessados.

A relação dos Not Provided com o SEO

Você já parou para pensar no motivo pelo qual as palavras-chave ou termos que os usuários digitam na barra de pesquisas do Google são categorizadas como Not Provided, não sendo definidas nos relatórios de busca orgânica, mas continuam sendo identificadas nos relatórios de palavras patrocinadas?

O Google vêm se firmando cada vez mais como uma empresa de publicidade online, e interpretando a situação de forma financeira, com certeza é mais rentável para a empresa ter clientes investindo verbas destinadas a Links Patrocinados (Google Adwords) do que disponibilizar cada vez mais ferramentas e estratégias para melhorar o posicionamento de sites via busca orgânica.

O Google Adwords é uma ferramenta infalível de Marketing Digital para quem quer gerar melhor posicionamento, baseado no critério de compra de mídia, em que você investe para ter seu site entre os primeiros resultados de busca. Não vamos dizer que o SEO está perdendo sua força, mas de fato, a principal estratégia disponibilizada pelo próprio Google para quem quer proporcionar um bom posicionamento para seu site é, de fato, investir em links patrocinados.

E aí, o que achou do post? Você pensa em investir em links patrocinados do Google?

Deixe sua opinião nos comentários abaixo.

Estratégia Digital
Autor: Estratégia Digital

Consultoria em marketing digital que atua há mais de 8 anos na região de Ribeirão Preto.

line
line

Deixe seu comentario

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*